Violência doméstica nos condomínios

A Adees apoia a campanha da Prefeitura de Curitiba de prevenção e combate à violência doméstica e familiar contra a mulher, especificamente dentro dos condomínios residenciais.

A campanha envolve a divulgação de cartilha para informar e orientar síndicos e condôminos sobre os serviços disponibilizados para garantir a proteção das mulheres curitibanas.
O papel do síndico – Representando o condomínio, o(a) síndico(a) deve auxiliar, da melhor forma possível, na apuração das infrações ocorridas nas dependências do condomínio, não apenas pelo âmbito moral, como também pelo âmbito jurídico em atenção aos deveres descritos no Código Civil, no sentido de fazer cumprir as normas
internas.

Importante que o(a) síndico(a) disponibilize à mulher em situação de violência as imagens das câmeras de segurança, incluindo do elevador, e que os funcionários se mantenham alertas para que possam auxiliar na confecção das provas. 

Denuncie – Qualquer pessoa pode fazer a denúncia pelo 180. Basta ter os dados da
mulher em situação de violência e do(da) agressor(a) – nome e endereço da vítima ou do local em que está ocorrendo a violência.